Miracema recebe o Circuito Cultural Fazendas Históricas Noroeste Fluminense

0
21

Depois de Porciúncula, agora é a vez de o município de Miracema receber o Circuito Cultural Fazendas Históricas Noroeste Fluminense, que busca resgatar as memórias de fazendas da região. Miracema é a cidade com maior número de fazendas abordadas pelo projeto, totalizando nove, sendo elas, Serra Nova, Cachoeira, União, Liberdade, Santa Inês, Boa Vista, Santa Justa, Santa Cruz e Prosperidade. A cidade de Miracema recebe o Circuito nos dias 13 e 14 de maio, na pracinha da Igreja Matriz, das 17h às 23h.

Além da preservação da memória do interior fluminense, através da história de 19 fazendas, o Circuito oferece gratuitamente a todos os visitantes, atividades culturais, oficinas, atrações musicais, brincadeiras voltadas ao público infantil, e muitas outras atividades. Na Sala das Artes, por exemplo, o visitante poderá apreciar fotografias das fazendas que compõem o projeto. Para quem gosta de boa música, que tal marcar presença junto ao Palco SESC, que abre espaço para artistas da região?! Já a criançada terá diversão garantida na Área Infantil SESC.

Durante o evento o visitante poderá conhecer mobiliários antigos, bem como assistir ao vídeo documentário “Circuito Cultural Fazendas Históricas Noroeste Fluminense”, produzido pelo vídeomaker Samuel Blanc, com roteiro do escritor e jornalista Eusébio Dornellas.

DETALHES E CURIOSIDADES: naquela ocasião, a vida pulsava ativamente ao redor das fazendas. Em muitas delas havia cinema, banda de música, padaria, farmácia, telefone, cartório e até mesmo agência dos Correios e Telégrafos. Serraria, engenho de açúcar, máquinas para beneficiar café e arroz, alambique, moinho de fubá, instalações para a produção de farinha de mandioca, matadouro, além de sistema próprio para o fornecimento de luz elétrica. Os saraus também eram bastante concorridos, onde os jovens da época dançavam ao som do piano e nos intervalos saboreavam doces, refrescos e ponche.

A ‘escravidão’ também é tema abordado e, dentre as curiosidades, a forma como era aplicada as punições aos escravos na Fazenda Liberdade. Lá – na Liberdade – o castigo comum atribuído aos escravos naquela propriedade era tomar banho com sabão. O nome da fazenda faz todo sentido ao depararmos que, dentro das possibilidades da época, vários escravos foram libertados, pois, havia a compreensão do sentido de mudança.

VISITANTES ILUSTRES: após o sucesso do evento em Porciúncula, é grande a expectativa da população nos outros municípios participantes do projeto. Em Miracema, visitantes ilustres (alunos do Colégio Estadual Deodato Linhares), estão em ritmo de contagem regressiva para participar do Circuito, como conta a professora Ana Lúcia L. Costa Schmidt.

“Dentre os alunos, Vinicio Montan e Roger Fernandes. São meus orientandos no Projeto Jovens Talentos para a Ciência da FAPERJ. Eles estão pesquisando sobre as fazendas mapeadas do município, a fim de fazer a divulgação turística das mesmas e criar um roteiro rural e cultural que envolva as fazendas e, quem sabe um dia, os imóveis tombados no município. Eles estarão na praça a fim de participarem de todas as atividades do Circuito, que certamente serão enriquecedoras para a pesquisa deles”, comenta a professora.

Depois da cidade de Miracema, o projeto desembarca no município de Itaperuna, nos dias 20 e 21 de maio, no CRECE (antigo campo do Comércio). E, por fim, o evento será realizado em São José de Ubá, nos dias 27 e 28 de maio, no CEASA. O Circuito Cultural Fazendas Históricas Noroeste Fluminense é uma organização da B2B Empreendimentos, apoio da Prefeitura Municipal de Miracema e SINCOMÉRCIO Itaperuna. Oferecimento FECOMÉRCIO/SESC.

Por Eusébio Dornellas / Agência Comuniqque 

SEM COMENTÁRIOS